Contos Dançados da Guiné no SESC Interlagos

Os Contos Dançados da Guiné fizeram parte da programação do mês da Consciência Negra no SESC Interlagos. As apresentações ocorreram em 19 e 20 de novembro. Contos Dançados da Guiné reúne dança, música, brincadeiras e contação de histórias. Bastante interativo, o público é incentivado a brincar, dançar e tocar os instrumentos na última parte do espetáculo. Também pode fazer perguntas a respeito da cultura guineana.

Anúncios

Dança e percussão da Guiné no Aterro do Flamengo

Em 12 de novembro, Aboubacar Sidibé realizou oficinas de dança e percussão da Guiné no Aterro do Flamengo, no Rio de Janeiro.

Fareta Sidibé na mostra TAI

Fareta Sidibé, o grupo formado por Aboubacar Sidibé e seus estudantes de dança e percussão guineana apresentou-se no encerramento da primeira mostra Território Artístico Imigrante - TAI, que aconteceu e 2 de julho de 2016 no Coletivo Digital, em São Paulo.

Contos Dançados da Guiné no SESC Vila Mariana

Nos dias 3 e 17 de julho de 2016, o projeto Contos Dançados da Guiné esteve no SESC Vila Mariana. Contos Dançados da Guiné reúne dança, música, brincadeiras e contação de histórias. Bastante interativo, o público é incentivado a brincar, dançar e tocar os instrumentos na última parte do espetáculo. Também pode fazer perguntas a respeito da cultura guineana.

Contos dançados da Guiné no SESC Santana

Em maio de 2016, o projeto Contos Dançados da Guiné, de Aboubacar Sidibé, esteve no SESC Santana nos dias 7, 14 e 28. Contos Dançados da Guiné reúne dança, música, brincadeiras e contação de histórias.